Desafios para se construir uma escada - Escadas Especiais

Desafios para se construir uma escada

Hoje em dia, um dos principais desafios para construir uma escada é sem dúvida o Espaço “Dimensão“ que está diretamente ligado aos recursos financeiros ou verba disponível em relação ao custo total da obra.

Portanto, é importante pensar na escada logo no início do projeto da edificação, ou melhor, em qual é o espaço que eu preciso para a escada na minha obra? Além disso, vale a pena ficar atento a alguns pontos importantes durante este processo. Confira quais são eles a seguir:

Qual o tempo de execução de uma escada?

Outro desafio importante é o tempo de execução da escada e o momento no cronograma que será a instalação, que além de estar diretamente ligado aos recursos financeiros, pode causar prejuízos incalculáveis para o cliente e a todos os envolvidos na obra. Especialmente se a escada não for executada no tempo certo, o que pode atrasar e muito o cronograma.

Um bom caso para usarmos de exemplo, é quando a escada é a única forma circulação no local, fato que ocorre em muitas obras de apartamentos e de alguns edifícios. Então devemos pensar em qual é o tempo necessário para a execução e em qual momento do cronograma será instalada a escada nesta obra?

E claro, sempre que possível, que estes prazos sejam seguidos à risca.

Qual é o tipo e o modelo de escada adequado para minha obra?

Um terceiro desafio para se construir uma escada é a escolha do tipo e modelo. Este, geralmente leva um bom tempo, pois tem que ser aprovado por todos que estão envolvidos nas decisões da obra: o Arquiteto, o Engenheiro e os Clientes.

Neste caso, vários fatores deixam dúvidas e precisam estar muito bem esclarecidos. São questões como conforto, segurança, composição em relação aos dois ambientes que a escada conecta (pois trata-se de uma integração), iluminação, design entre outros aspectos.

Vale lembrar que nesse momento a escada pode se tornar um elemento principal de sucesso ou de fracasso da obra, pois se não for estabelecido e acertado, com certeza irá gerar atrasos e prejuízos consideráveis – além de um aspecto feio.

Por isso, precisamos saber antecipadamente qual é o tipo e o modelo que vai ser utilizado naquela obra.

Qual conceito devo seguir e quais as verificações importantes ao projetar minha escada?

Hoje em nosso dia a dia, estamos utilizando conceitos limpos para projetar. Desenvolver um projeto com os mínimos detalhes, ou pelo menos que esses detalhes não tenham tanta influência na estética, são também grandes desafios neste tipo de obra.

Talvez pequenas mudanças em alguns ângulos podem causar efeitos interessantes e transformar uma escada em uma obra de arte. Tome cuidado apenas para não esquecer de todos os elementos principais desta obra, como por exemplo a resistência dos degraus, guarda corpos e corrimão – tudo deve estar rígido de forma a suportar um esforço de pelo menos 150 N, conforme a Norma Técnica.

Falando em Norma Técnica, sempre se baseie nela:

  • Evite cantos vivos;
  • Tenha cuidado com a composição dos degraus em relação a suas alturas;
  • Tenha cuidado com vigas que estão interferindo no espaço de circulação das escadas;
  • E atenção com as larguras mínimas necessárias;

Estes são alguns dos fatores que costumam inviabilizar alguns tipos e modelos.

Quais os aspectos devem ser verificados antes da construção?

Construir uma escada boa, confortável e segura, é um dos grandes desafios em todos os tipos de obras, por isso deve ser dada uma atenção especial em todos os aspectos, do projeto a execução final, existem muitos recursos a serem utilizados, simulações, cálculos, ensaios, entre outros.

Porém, só isso não resolve. Se você não tiver à frente da execução um profissional ou uma empresa experiente o projeto pode não ter um resultado bom. Afinal, nada substitui o conhecimento e o processo avançado de quem entende do assunto.

E então, o que achou dos tópicos abordados neste artigo? Se você está pensando em construir uma escada personalizada, com muita qualidade e alto padrão, entre em contato conosco

Deixe um comentário