Estrutura vertical em construção - Escadas Especiais

Estrutura vertical em construção

Estruturas pedem uma projeção delimitada, com fórmulas e normas técnicas. Entenda.

Qualquer estrutura a ser construída necessita de um projeto delimitado e precisão no momento da sua execução. Com as escadas não é diferente: garantir a qualidade quando é necessária sua construção permite que a estrutura não apresente problemas que podem causar riscos à segurança de quem sobe e desce os degraus, mas também permitindo que mudanças posteriores sejam realizadas.

Desta forma, desde o projeto em desenho até a execução de escadas é importante ser preciso e ter todos os detalhes do local e o tipo de estrutura que será instalada. Neste artigo da Escadas Especiais, referência neste tipo de componente vertical, avaliaremos a importância de uma execução precisa e qualidade no projeto.

Todos os detalhes contam
Há normas reguladoras que visam trazer mais facilidade aos projetos de escadas, desde a sua engenharia até ser executada. Por exemplo, a NBR (Norma Brasileira) 6118 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) dispõe sobre o projeto de estruturas de concreto e dá seus devidos procedimentos, mesmo sem citar propriamente as escadas.

Mas, qual a relevância disto para o projeto de execução de escadas? Simples: as normas visam atender requisitos mínimos de segurança e asseguram qualidade na elaboração e construção. Assim, ficar atento ao que a ABNT traz na NBR é imprescindível para fazer a execução com qualidade.

Não apenas isso: para ser preciso e executar o projeto é preponderante que se conheça a estrutura a qual será instalada. Recorremos novamente as escadas de concreto como exemplo prático: segundo a Fórmula de Blondell podemos chegar aos cálculos exatos de como podemos construir a estrutura com todos os seus pormenores – pé direito, espessura, altura, espelho, degraus, intervalo e outras características próprias.

A importância da precisão e qualidade no projeto
Como dito acima, há métricas como a Fórmula de Blondell e as normas técnicas da ABNT que precisam ser seguidas durante o projeto. Sem isto, não teremos a precisão e nem uma projeção das escadas a serem executadas de forma concreta. Na prática, saber esses conceitos permite que:

  • A escada atenda todos os padrões e normas estabelecidos no nosso país;
  • Garantam a segurança dos usuários;
  • Impeça a defasagem e o rompimento da estrutura após o uso;
  • Permite alterações posteriores no projeto inicial, desde que este contenha suporte para mudanças;
  • Amplia as opções de escadas e seus tipos para quem deseja contratar o serviço de execução;
  • Cria-se a possibilidade até mesmo de tornar a estrutura como parte componente da arquitetura interna e não apenas como um meio de deslocamento vertical.

Principalmente no último item citado acima, as escadas precisam de um projeto de qualidade para que possam ser mais que meros locais de transição entre níveis – mas, componentes integrantes de todo imóvel e/ou construção.

Com isto, contratar profissionais e especialistas que entendam do assunto, apresentando um projeto bem delimitado e que gere confiança ao contratante da estrutura deve ser requisito primordial para quem deseja contar com uma escada de qualidade – seja na sua casa, comércio ou área de convívio coletivo.

No Escadas Especiais você encontra outros artigos que complementam a importância da precisão e qualidade no projeto de execução de escadas. Conheça nosso portfólio e faça parte de empresas de renome que optaram por ter estruturas especiais em seus empreendimentos.

Confira outros textos em nosso blog e saiba mais!

Deixe um comentário